domingo, 2 de outubro de 2011

O amor em carne viva


Só enxerga o amor em carne vive,

Quem ama sem ser correspondido.

Furibica sabe, que quem não é correspondido,

Transforma o amor numa ferida que dói e sangra a olho nu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta aí!